top of page
Buscar
  • Foto do escritorNefesh Comunicação

A Visita de Deus em Tempos de Pandemia



VISITANDO ÀS FAMÍLIAS EM TEMPO DE PANDEMIA


As Irmãs Teresianas de Guarapuava a partir de uma inspiração de Deus resolveram realizar um Projeto de Visitas às famílias. Convidaram membros da Família Teresiana dos leigos para formar duplas.

Irmã Nahir Wechenfelder foi acompanhada pela Elza Correa e/ou Eunice de Paula. Irmã Ema Ilsi Seidel com a Salete Pusk e a irmã Celita Haefliger com a Glacir Sene e/ou Nair Schinemann. Agora já temos mais pessoas que se ofereceram para realizar estas visitas e podermos formar mais duplas..

Uma vez por semana a dupla combina o dia e hora. Onde acontece? No bairro da Paróquia Santos Anjos que são 13 setores. Vamos por rua, visitamos casa por casa, nos apresentamos falando o objetivo da visita. Permanecemos na calçada na frente da casa, não entramos em nenhuma casa, pois consideramos que ainda não é tempo, a família fica no lado de dentro do portão.

Primeiro a família expõe o que vai nos seu coração. As dores pelas perdas ou outro motivo, enfim o que está se passando naquela família, independente de ter perdido alguém ou não, neste momento todos tem sofrimento e dor no coração.

Segundo momento rezamos a oração que o Papa Francisco escreveu para este tempo de pandemia seguido de um Pai Nosso, Ave Maria , Glória ao Pai e a bênção. Assim partimos para a próxima família até visitar todas as famílias da rua iniciada.

Por que estas visitas? Nós irmãs, durante todo o tempo da pandemia realizamos o ministério da escuta por whatsapp ou em casos especiais de forma presencial. Porém, sentimos muito forte o apelo de Deus que nos chamava para chegar perto das famílias, sentir seu coração, suas angústias, seu desejo de ter um momento de oração nas suas casas.

Neste momento podemos já afirmar que está fazendo muito bem para quem vai e para quem recebe as visitas. As famílias ficam tão felizes que não sabem como se expressar ainda mais quando veem que são as Irmãs que estão chegando para os visitar, mesmo que seja só desde o portão, mas é uma forma de nos ver, nos sentir e nos amar mais de perto. Temos a certeza de que é um momento de Deus.

Irmã Ema Ilsi Seidel

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page